quinta-feira, 30 de julho de 2009

Morte Misteriosa de Cão na UFSC

A morte de um cachorro causou uma grande comoção no campus da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), em Florianópolis.

Mascote querido de alunos e servidores, Catatau era famoso por acompanhar todos os eventos envolvendo os estudantes, mas foi encontrado morto, por suspeita de envenenamento, em um dos córregos que passam na área da universidade, na sexta-feira (24).

Catatau foi abandonado no campus em 1997, ainda filhote. Alimentado por alunos e funcionários, que contam com a ajuda de uma Ong que tenta impedir o abandono de animais no local, era considerado o cão mais popular da universidade e ganhou o apelido de “UFSCão”.

Catatau sempre participou de todos os atos dos alunos, de protestos a festas. Ele estava nas formaturas, nos trotes, sempre junto com os estudantes. Na saída dos alunos, ele chegava até a acompanhar os estudantes nos arredores, mas depois voltava. Com esse jeito tão carinhoso, ele conquistou todo mundo.

Uma das últimas proezas protagonizadas por Catatau ocorreu durante a invasão do gabinete da reitoria por alunos. O cão ocupou a cadeira do reitor durante o ato e tinha apoio dos alunos para permanecer no cargo.

Catatau até acompanhou um protesto de alunos contra o aumento do passe de ônibus em Florianópolis. “Éramos uns 40 alunos e saímos em passeata do campus até o centro. Caminhamos por uns 40 minutos embaixo de chuva, e o Catatau foi junto. Ele fez parte da manifestação e depois conseguiu voltar para o campus de carona com alguns alunos que estavam de carro. Tem aluno que já levou o Catatau até para a praia”, contam os alunos.

Apesar da suspeita de assassinato, a morte de Catatau infelizmente não poderá ser investigada pois não há câmeras no local onde ele foi encontrado e descobrir quem o jogou no córrego.

Catatau foi enterrado ainda na sexta-feira perto do monumento Pira da Resistência, que foi erguido pelos próprios servidores. Para os alunos, o local vai se tornar um ponto de peregrinação. “Alguém já deixou um vaso com flores brancas para ele. Era um cachorro muito especial”, disseram.
O Administrador

quarta-feira, 29 de julho de 2009

O Transporte de Cães é Coisa Séria

Como transportar um animal com segurança dentro do carro?

Esta dúvida constante de donos de cães e gatos leva as montadoras a bolarem os mais variados acessórios para os "melhores amigos". De acordo com o Código do Trânsito Brasileiro, os animais não podem ser transportados na caçamba do carro.

De acordo com o artigo 235, é proibido conduzir pessoas, animais ou carga nas partes externas do veículo, salvo nos casos devidamente autorizados. A infração é grave com multa e retenção do veículo. Já o artigo 252 proíbe o motorista de dirigir com um animal no colo.

Os fabricantes de carros agora já se voltam para esse mercado em expansão do transporte de animais de estimação. Novidades veem da Volvo, uma marca famosa por prezar a segurança em primeiro lugar, da Honda e da BMW.

A Volvo está lançando uma grade de proteção que pode ser acoplada no porta-malas. Sobra espaço para colocar bagagens, diminuindo o espaço onde o cão deve ficar e, consequentemente, reduzindo as chances dele se machucar em caso de um acidente. Outros produtos também estão disponíveis como almofadas e tapetes para evitar que o cão arranhe a lataria interna do carro.

A Honda lançou o carro conceito Element que foi desenvolvido especialmente para oferecer boa vida e segurança para os animais de estimação. Entre outros equipamentos específicos para os pets desenvolvidos pela Honda estão uma rampa de acesso pelo porta-malas, que facilita a entrada dos animais de grande porte e poupa os donos de dores nas costas, além de um ventilador de 12 volts instalado na parte traseira do veículo.

Para aqueles donos que têm mais de um cachorro, o modelo ainda traz outro compartimento de tela, que é preso no cinto de segurança do banco traseiro, para transportar animais de pequeno e médio portes. O tapete de borracha e as capas de banco impermeáveis, além de “ossos de couro”, brinquedos e estampa temática completam a lista de equipamentos desse carro "bom pra cachorro".

Já a BMW desenvolveu um cinto de segurança específico para animais que oferece o máximo de segurança.

Isso é um avanço no mercado quando se pensa em transporte dos nossos melhores amigos. Mas é mais importante ainda que os donos de animais se conscientizem e que passem a se preocupar realmente com a segurança de seus animais. Essas mudanças de oferta de carros direcionados para os animais é uma resposta da força e da conscientização dos donos que agora, mais esclarecidos, se tornaram mais exigentes.

terça-feira, 28 de julho de 2009

Coisas de Bicho 1

Os "cemitérios de elefantes" existem? Sim ou Não?

Não. Essa história de que os elefantes teriam uma espécie de santuário, um local sossegado para o qual se dirigiriam antes de morrer, não passa de lenda. Há várias teorias para a origem do mito. A mais aceita foi elaborada por especialistas do zoológico de San Diego (EUA). De acordo com esses estudiosos, quando os trombudos envelhecem, seus dentes ficam muito sensíveis e, assim, eles têm dificuldade de comer sua alimentação habitual, formada por arbustos, folhas e cascas de árvores.

Por isso, é comum os animais mais velhos se deslocarem para regiões pantanosas, onde há abundância de água e as folhagens são mais macias. Invariavelmente, eles acabam ficando por lá até a morte. A concentração de ossadas nesses locais é que teria originado o mito. Os animais idosos também se desgarram do grupo porque se tornam mais lentos e vão ficando para trás.

A lenda do santuário de trombudos acabou ganhando peso em razão da atitude reverente desses animais frente a um colega morto. Diante de um paquiderme sem vida, todos os membros de uma manada param junto do defunto e parecem inspecioná-lo com a tromba, como se prestassem uma última homenagem. Além disso, o parente do falecido segue o grupo de longe por alguns dias, numa espécie de manifestação pública de luto.

Outras curiosidades interessantes do maior animal terrestre do mundo:

. O elefante é conhecido por sua excelente memória. Seu cérebro pesa 5,4 quilos. Acredita-se que isso se deva, em parte, à sua longevidade, de até 70 anos. Vivendo tanto, ele acaba tendo mais tempo para memorizar tudo ao seu redor;.

. As orelhas dos elefantes são sua impressão digital. As abas enormes têm não apenas formas únicas mas cavidades e riscas inconfundíveis. Não existem dois elefantes com orelhas iguais;

. Sua tromba comprida corresponde ao nariz e lábio superior. Ela pesa cerca de 140 quilos. Entre outras coisas, a tromba permite que ele fareje água a uma distância de quase 20 quilômetros;

. O pênis do elefante pode atingir 1,5 metro de comprimento e pesar 2 quilos. Cada ejaculação é suficiente para encher uma bola de futebol. Acreditem!

domingo, 26 de julho de 2009

Alice Responde 2

Aqui vai mais uma dúvida que Alice responde agora. Obrigada por participar, e qualquer dúvida que tenha, pergunte à Alice!

Oi Alice, por favor se puder me responda: Tenho uma yorkshire de 2 anos chamada Lindinha e esta semana após o banho na pet shop, percebi que apareceu uma mancha feito nuvem em frente a pupila do olho esquerdo. Tenho colocado água boricada, mas não está melhorando, o olho está cada vez mais opaco, sem brilho. O que é isso? Catarata? É grave? Muitos beijinhos para vc. Adorei seu blog e muito obrigada. Flávia

Alice: Flávia, essa mancha no olho da Lindinha não deve ter relação nenhuma com o banho e não deve ser catarata porque ela é ainda muito novinha. Falo por experiência própria porque nós, os pugs como temos os olhos muito grandes e expostos, é comum machucar a córnea. Eu já machuquei várias vezes e fica assim mesmo como você está dizendo. O olho fica com uma camada esbranquiçada parecendo opaco. Ela deve ter algum machucado na córnea. Leve a Lindinha ao vet rapidamente, melhor ainda se tiver na sua cidade um veterinário oftalmologista, pois existem colírios e pomadinhas que ajudam a cicatrização da córnea rapidamente. Eu já machuquei a minha 2 vezes e fiquei boazinha em uma semana. Ah, e não use água boricada nela, aliás não se usa mais essa tal de água boricada em cães e gatos. Existem colírios especiais para nós e os gatinhos, tá? Boa sorte e beijos na Lindinha.
Alice

sábado, 25 de julho de 2009

Cão Ajuda na Recuperação de Crianças Internadas

Labrador Doutor Chico , o "médico" amigo das crianças.

Todas as sextas-feiras, a cena se repete. "Doutor Chico" veste seu avental branco para percorrer a enfermaria e atender os "pacientes mirins" que estão internados no Hospital Municipal da Criança, em Guarulhos, na região metropolitana de São Paulo.

A visita é feita de quarto em quarto e serve para auxiliar na recuperação das meninas e meninos que estão no local. O trabalho tem a colaboração do adestrador Robson Dertinatti, que é proprietário do "Doutor Chico" - um labrador preto de dois anos e sete meses.

"Está comprovado cientificamente que a zooterapia (terapia realizada com a presença de bichos) aumenta a autoestima e ajuda na recuperação da saúde das pessoas", diz Robson Dertinatti, que há cinco anos desenvolve ações voluntárias em asilos e orfanatos da cidade. Segundo o adestrador, o animal serve como uma espécie de canal de amor e de cura para os pacientes, especialmente no caso das crianças.

"Com a visita do 'Doutor Chico', procuramos reproduzir o ambiente do lar. Ao fazer isso, conseguimos acelerar o processo de cura e, consequentemente, diminuímos o período de permanência da criança no hospital", afirma a médica e diretora do Hospital Municipal da Criança, Heloísa Helena Sampaio.
A Administradora

>> Sis.Saúde

quarta-feira, 22 de julho de 2009

Vantagens de Adotar um Animal Adulto

Adoção é tudo de bom!

Os animais adultos são surpreendentes:

. Mais tranqüilos, não latem muito e não choram à noite;
. São mais obedientes por já terem uma capacidade de assimilação maior;
. São mais independentes, caso tenham que ficar sozinhos por algumas horas;
. Dificilmente destroem sapatos, móveis ou coisas dentro de casa;
. Aprendem a fazer as necessidades no local adequado com maior facilidade e velocidade;
. É mais fácil saber, antes de adotar, se ele é quieto, brincalhão, se gosta de correr ou se é mais reservado;
. Você não terá dúvida alguma sobre o tamanho dele;
. Se adaptam rapidamente ao ambiente e às pessoas da casa, incluindo as crianças;
. São mais atentos a chegadas de pessoas; no caso de cães, defendem mais a casa;
. Serão amigos fiéis e eternamente gratos a você.

Na adoção de um animal adulto, ao contrario do filhote, o trabalho é sempre muito menor, pois ele passará apenas por um período de adaptação à nova casa. Este período é quase sempre muito curto, pois o animal adulto que vem de um abrigo ou das ruas tem muita gratidão pelas pessoas que o recebem em seus lares e demonstrará essa gratidão claramente tornando-se, em muito pouco tempo, um companheiro fidelíssimo, obediente e muito carinhoso. Os animais adotados já adultos fazem de tudo para agradar, por isso fica mais fácil educá-los.

Ao contrário do que muitos acreditam, o cão adulto, quando adotado, aceita muito facilmente a mudança em sua vida (que sempre será para melhor), torna-se um animal muito alegre que, certamente, será seu maior amigo.

E os cães idosos?

Esses precisam de alguns cuidados especiais, mas não é por isso que deixam de ser animais extraordinários ou que você não possa adotá-los.

Na adoção de um animal idoso, você terá apenas que ter uma dose extra de paciência e uma quantia da qual poderá dispor para eventuais necessidades, como remédios, idas mais frequentes ao vet, etc.

Lembre-se que todos os animais são merecedores de carinho especial, principalmente na velhice... É o mínimo que eles merecem depois de nos entregarem seu coração e sua vida toda!!! Não os abandone... Adote!
A Administradora

Os Animais pedem aos Humanos!

"Fui criado pelo mesmo Deus que criou você. Sinto frio, fome, sede, medo, dor, assim como você. Por favor, não me use para se divertir, não me exponha ao ridículo, não me humilhe, não me maltrate e nem abuse de mim. Só o que quero é sua amizade e carinho. Não peço que goste de mim, mas somente que me respeite. Olhe nos meus olhos e depois olhe nos seus e verá como somos parecidos. No meu olhar você pode ver doçura, alegria, tristeza, desespero, amor ou sofrimento, e isso eu também posso ver no seu olhar! Por capricho do nosso criador, não posso falar e nem me defender da brutalidade e crueldade dos seus semelhantes, mas se eu pudesse falar agora, diria a todos que eu também mereço viver e sou digno de respeito, assim como você....
Com carinho, Um animal"

Alice e Carol em nome de todos os animais.

Atrocidade Humana

Que triste cena! O Homem é a pior espécie sobre o planeta! Por incrível que pareça, este "espetáculo" mantem-se em Dantesque, Ilhas Faroe (Dinamarca).

Um país conhecido por "civilizado" pratica essa barbárie. Para muita gente, este ataque à vida pode passar despercebido, mas é um costume do lugar, uma espécie de ritual para "mostrar" a passagem à idade adulta.

É de uma atrocidade absoluta. Ninguém mexe uma palha para acabar com esta barbaridade contra os"Calderon", um golfinho inteligente e tranquilo que se aproxima dos homens demonstrando amizade. É de chorar!!



Faça com que esta atrocidade seja conhecida e que acabe de vez!
O Administrador